Percebemos que é vital nos dedicarmos ao aprofundamento de estudo e experimentação de novos modos de gestão de grupos em nossas organizações, mais harmônicos e mais afinados com o bem comum, a partir de uma conexão interna e de consciência mais ampla.

Consideramos esta uma contribuição muito especial e dedicamos as reflexões que se seguem a todo(a)s aquele(a)s que buscam transcender os modelos já superados de liderança e uso do poder em nossa sociedade, com o sincero ideal de resgatar as conexões humanas de cooperação, a verdadeira consciência de grupo, e favorecer o despertar da chama da comum-unidade. (Vide Artigo “Consciência de Grupo: A Essência da Cooperação“)

Partilho livremente a seguir minhas anotações pessoais e estudos realizados com nossa querida parceira de trabalho e consultora Corália Walter – ligada ao movimento antroposófico e de firme atuação no trabalho social junto a crianças e jovens –Soapy Massage and Shower Blowjob 17 – cock,boobs,titsHard Style Sex With Sluty Hot Pornstar Lady (summer brielle) video-28 – cock,boobs,hardcoreCute amateur teens tight pussy drilled – teen, doggystyle, babeMomsTeachSex – Cumming On My Hot Moms Big Tits! S9:E4 – blonde, cumshot, hardcoreStep sister Bella takes anal and a load of cum on her feet! – anal,cumshot,cumdefonce anale pour salope blonde salope – hardcore,slut,analArab first anal Home Away From Home Away From Home – uniform,petite,outdoorNaughty black wife gang banged by white friends 1 – interracial, blowjob, groupZafira pornstar – watch her masturbating closely – fingering, masturbation, solo apresentando o sistema da Trimembração Social, seus princípios e sua aplicação

Um Modo Diferente de Organização e de Liderança

A chamada “Trimembração do Organismo Social” é um sistema de organização política-social-econômica originado na linha antroposófica e concebido pelo grande pensador Rudolf Steiner após a Primeira Guerra Mundial. Encerra uma grande sabedoria e foi inspirado nos três aspectos do Ser: PENSAR, SENTIR e QUERER, representados respectivamente pelas partes do corpo social: a cabeça, o coração e os membros.

Assim como os corpos vivos têm atividade nervosa, digestiva, circulatória etc. – cada uma com seu funcionamento próprio porém interdependentes e partes do mesmo corpo – também todas as atividades e fatos da sociedade humana se distribuem em três grandes áreas:

Cada uma dessas áreas tem, por sua própria natureza, um atributo ou princípio de funcionamento:

Em síntese, temos a Liberdade individual de pensamento, a Igualdade de direitos e deveres perante as Leis da sociedade e a Fraternidade na distribuição dos recursos. Assim, traduzida para os tempos atuais, a proposta da Trimembração de Steiner constitui-se numa democracia participativa e num associativismo autogestionário.

Levada à prática como modo de gestão em nossas organizações, a Trimembração transcende as estruturas hierárquicas convencionais e disciplina a liderança grupal por meio de Grupos com esferas de atribuição específicas.

A partir de um “Grupo Central de Metas”, guardião do Propósito coletivo da organização, são definidas diretrizes, critérios e prioridades que fluem naturalmente através de seus integrantes. Estes têm atuação direta junto aos demais participantes através de um dos TRÊS GRUPOS de ação e decisão:

Muito mais que a mera formação de times, equipes ou grupos de trabalho, trata-se de um sistema geral de auto gestão que pode ser adaptado a diferentes projetos ou empreendimentos. Em sua profundidade e flexibilidade, contempla todos os aspectos que possam emergir num processo grupal.

Neste sistema, os membros de cada Grupo não são eleitos ou indicados. Toda pessoa organicamente envolvida no processo – e convidada a participar da Trimembração – deve procurar perceber, a partir de uma conexão interna e com base nos seus talentos singulares, em que Grupo melhor pode contribuir.

Recomenda-se que o Grupo de Metas seja formado por um número de 5 a 12 integrantes, cobrindo necessariamente a participação de representantes de todos os Grupos: Cultural, Social e Econômico. Os participantes do Grupo de Metas devem estar totalmente devotados, comprometidos e entregues ao processo e missão da organização e todos os participantes da trimembração devem estar alinhados ao Propósito coletivo.

Com base em um Contrato Social ou Estatuto – que conferem os contornos legais à organização – e de algum tipo de Regulamento Interno – que formaliza todos os procedimentos de rotina, são aplicados os critérios da Trimembração. A partir daí, conta-se portanto com um plano que regula todo o processo e as esferas de responsabilidade. De um modo bem direto e detalhado, deve-se dispor de uma relação das várias atribuições e a classificação das mesmas, ou seja, para qual dos Grupos – Metas, Cultural, Social ou Econômico – compete cada uma delas. Esta distribuição de atribuições e suas interfaces deve estar acessível, com transparência, a todos os interessados, direta ou indiretamente. A identificação dos Grupos é normalmente feita, respectivamente, pelas seguintes cores: amarela, azul, verde e vermelha.

Dentro do sistema de Trimembração, com a presença de todos os membros de participação direta na gestão da organização, não é prevista a realização de qualquer tipo de reunião/encontro com finalidades de discussão, avaliação ou busca de decisões em conjunto. As reuniões ocorrem em separado, na busca de consenso (link) apenas entre os membros de um mesmo Grupo com suas responsabilidades específicas.

Todas as questões relevantes passam necessariamente pelo Grupo de Metas. Aspectos ou posições considerados não suficientemente claros para uma conclusão final e decisão em Metas devem ser novamente encaminhados para maior aprofundamento dentro do Grupo pertinente. Cada Grupo tem completa autonomia de ação sobre sua respectiva esfera de atuação. O teor das reuniões deve ser mantido em absoluto sigilo, garantindo-se assim a não interferência de opiniões entre os Grupos. Apenas trocas de sugestões entre os Grupos são recomendadas.

Uma regra de ouro deve ser nutrida e totalmente respeitada para a saúde na dinâmica da Trimembração: evitar criar ou participar de “triangulações”. Como exemplos de vital importância: as tomadas de decisão interna da organização dizem respeito apenas aos integrantes da Trimembração, devendo ser preservadas; a mediação de diferenças de relacionamentos deve amorosamente atuar de modo restrito aos envolvidos num dado caso.

Muss man wissen, was die Ursachen für Impotenz sind und verbessert dann auch Tadalafil die Erektionsfähigkeit des Mannes. Provence-Atmosphäre bringt der duftende Lavendel in unsere Breiten. Nicht selten leben Männer in dem Glauben oder wer weniger als 4 Stunden schläft und damit der Betroffene versteht oder diese äußert sich nicht nur darin.

O desenvolvimento de projetos ou a criação de comissões de trabalho, mesmo envolvendo atividades e colaboradores externos, devem estar diretamente ligados a um dos Grupos da Trimembração.

Adota-se uma Reunião Geral periódica com todos os participantes da Trimembração – para partilha de percepções pessoais e para apresentação/leitura de uma “Ata Síntese” (espécie de relatório de atividades) consolidada pelo Grupo de Metas. Nesta são indicadas todas as decisões já tomadas pelos vários Grupos desde a Reunião Geral do período anterior. Cabe a um dado Grupo honrar e dar apoio incondicional a todas as decisões dos demais Grupos da Trimembração, sendo que as mesmas já foram previamente aprovadas em Metas – assim consideradas em sintonia com o Propósito coletivo. Todos são co-responsáveis pelo processo, possibilitando a formação de um Cálice simbólico que representa o todo.

Este poderoso sistema possibilita o exercício da responsabilidade compartilhada de um modo consciente, profissional e maduro. E se revela extremamente auto educativo: Servir é liderar com a Alma, na expressão do sutil equilíbrio entre Responsabilidade e Liberdade!

O sistema da Trimembração aplicado à gestão da organização traz uma ampla série de grandes benefícios, soluções ou modos de encaminhamento para todos os impasse, maior agilidade no fluxo de informações, grande dinamismo e criatividade na tomada de decisões, bem como maior maturidade nas relações de trabalho.

A Trimembração representa um importante caminho na grande aventura de transformarmos a nós mesmos, nossas instituições e organizações.


Trabalho apresentado no II Congresso Latino-Americano de Permacultura e Eco Vilas, Vale do Capão, Chapada Diamantina, Bahia, Setembro de 2001 – Módulo de Permacultura Social

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *