This wig ornaments appears very early. As early as in ancient Egypt, the ancient Egyptian men have shaved his head after all shave and wear wigs. Later the Romans by Egyptian influence, is also keen to wear a wig.cosplay wigsclip in hair extensionshuman hair extensions for womenclip in human hair extensionsreal hair wigshuman hair wigs for white women
RIO DE JANEIRO SERÁ PALCO PARA ALERTAR SOBRE MUDANÇAS CLIMÁTICAS
  • catalisa@catalisa.org.br

Mais Notícias

Oficinas de Formação de Leitura Dramática em Escolas Públicas de Minas Gerais

2017-11-10 09:30:10

8º Fórum Mundial da Água será em Brasília, em março de 2018

2017-11-01 18:00:47

Premiação no Congresso Brasileiro de Engenharia Sanitária e Ambiental 2017

2017-10-09 09:16:34

7º Simpósio Nacional de Ciência, Tecnologia e Sociedade

2017-10-08 17:57:00

Congresso ABES FENASAN 2017 aconteceu em São Paulo

2017-10-06 17:51:43

FUNDACENTRO-SP realiza Semana de Segurança Química

2017-09-06 15:56:40

ABES-MG promove Curso Noções sobre saneamento básico

2017-09-06 15:12:52

IX Simpósio Brasileiro de Engenharia Ambiental (SBEA) acontece em julho de 2017 na UFMG

2017-05-19 15:37:42

CATALISA participa do Programa Tecendo Projetos Socioambientais da UMAPAZ

2017-05-17 15:43:36

Água, gestão e sustentabilidade

2017-05-05 12:37:03

Conferência Líder em tecnologias de águas e águas residuárias 2017 acontece em Florianópolis/SC

2017-04-05 15:00:00

Novos Núcleos CATALISA

2017-02-01 12:33:47

Catalisando 2016

2016-12-13 21:00:00

Simpósio Brasileiro de Engenharia Ambiental (SBEA) - Etapa Sudeste

2016-11-05 17:00:00

5o. Congresso Lationoamericano de Dessalinização e Reúso de Água acontece em Santiago, Chile

2016-10-15 13:10:00

Congresso Brasileiro de Engenharia Química - COBEQ 2016

2016-09-16 13:00:00

Os 10 conflitos ambientais mais explosivos do mundo

2016-08-10 14:00:00

Objetivos do Desenvolvimento Sustentável (ODS)

2016-02-01 17:46:19

Cinco mudanças ambientais já em curso no Brasil e seus impactos

2015-12-06 13:55:00

RECOMENDAÇÕES DA ECONOMIA SOLIDÁRIA À AGENDA DE DESENVOLVIMENTO PÓS 2015 DA ONU

2014-06-24 15:46:28

Assinar Newsletter

Brasília - Alertar sobre as causas e impactos do aquecimento global, e propor soluções que cada cidadão e cidadã possa adotar no seu dia-dia, são os objetivos principais do evento Live Earth que ocorrerá no dia 7 de julho, em 9 cidades do mundo (Nova Iorque, Londres, Sydney, Tókio, Xangai, Johanesburgo, Hamburgo, Istambul e Rio de Janeiro) durante 24 horas. Os shows vão reunir mais de 100 artistas e mais de 2 bilhões de pessoas. No Brasil o show será na praia de Copacabana, onde o acesso para um público estimado em 1 milhão de pessoas será livre.

O Live Earth foi fundado por Kevin Wall produtor de música que organizou o Live 8 em 2005, um megashow com o objetivo de combater a pobreza. Para o Live Earth, Wall formou uma parceira com Al Gore, ex-Vice Presidente dos Estados Unidos e Presidente da Aliança para a Proteção Climática (Alliance for Climate Protection), para assegurar que o show inspire mudanças comportamentais de indivíduos, empresas e governos para reduzir as mudanças climáticas. O Live Earth será o início de uma campanha que se estenderá por vários anos e que é dirigido pela Aliança do Clima, o Grupo do Clima (The Climate Group) e outras organizações internacionais para combater a crise de aquecimento global.
No Brasil, o Fórum Brasileiro de ONGs e Movimentos Sociais para o Meio Ambiente e o Desenvolvimento (FBOMS), Amigos da Terra - Amazônia Brasileira, o WWF Brasil, a Rede Brasileira Agroflorestal (REBRAF) e o Programa das Nações Unidas pelo Desenvolvimento (PNUD) são parceiros nacionais do evento.
Uma pesquisa da CNT/Sensus divulgada na terça-feira, dia 26, mostra que 3/4 dos brasileiros já se preocupam com a mudança do clima, com o show no Rio de Janeiro este número deverá crescer ainda mais. Segundo Temístocles Marcelos, Secretario-Executiv o do FBOMS "O Live Earth é uma ótima oportunidade para aumentar a consciência entre a população brasileira sobre as causas do aquecimento global, e para divulgar como cada um de nós, más também as empresas e os governos, possam contribuir para resolver a crise". Para Roberto Smeraldi, Diretor Geral da ONG Amigos da Terra - Amazônia Brasileira "a conscientização de massa dessa iniciativa deve acabar com a época do 'vamos fazer o possível', iniciando aquela do 'vamos fazer o necessário'.
Entre as ações do Live Earth é a divulgação de várias dicas simples que cada indivíduo possa usar no seu dia-dia para contribuir a diminuir os gases de efeito estufa e enfrentar a crise climática. Para reduzir o uso de energia, as dicas orientam, por exemplo, a usar lâmpadas fluorescentes, usar chuveiros solares, e desligar equipamentos eletrodomésticos e de trabalho quando não estão sendo usados. Na hora de fazer compras, as dicas recomendam, entre outras, reutilizar sacos de plástica para reduzir o uso de petróleo, e consumir mais vegetais, cereais e frutas, já que a indústria da carne contribui para o desmatamento na Amazônia, sendo responsável por 70% das emissões de gases de efeito estufa no Brasil. No setor de transporte, as recomendações estimulam aumentar o uso do transporte público e coletivo. As dicas também orientam a todos os cidadãos e cidadãs a se tornarem mais ativos na preservação do meio ambiente dentro de sua comunidade e exigir ações destinadas a sustentabilidade ambiental de seus governantes.
Os parceiros brasileiros estão contribuindo para a organização do Live Earth Rio, tanto na adaptação das dicas ao contexto brasileiro e na divulgação do evento, como no esforço de tornar o evento o mais verde possível. O show vai usar energia proveniente de geradores de biodiesel, e todo o lixo será reciclado. Conforme Rubens Born, coordenador do GT Clima do FBOMS, "o FBOMS pretende, ainda, aproveitar a oportunidade e visibilidade do show no Rio para ressaltar a urgência do Governo brasileiro finalmente adotar uma verdadeira política nacional de mudanças climáticas".

Contatos:

Temístocles Marcelos - Secretário-Executivo do FBOMS. temistocles@ cut.org.br - 061 3033.5535
Rubens Born - Coordenador do GT Clima/FBOMS. rborn@vitaecivilis. org.br - 011 4686.1814
Roberto Smeraldi - Diretor Amigos da Terra - Amazônia Brasileira.smeraldi@amazonia. org.br - 011 3887.9369

www.fboms.org.br

www.amigosdaterra.org.br

www.liveearth.org

human wigs for white womenreal hair wigs for womenreal hair wigsPaula young wigs for women - Real hair wigslong angled bob